Ligue: (41) 99122-3071

ESPC realiza curso de técnicas e táticas operacionais

Entre os dias 18 a 02 de outubro, a Escola Superior da Polícia Civil (ESPC), ministrou aos policiais civis da 15ª Subdivisão Policial (SDP) de Cascavel e da 6ª SDP de Foz do Iguaçu,

um curso de nivelamento técnico para relembrar os conhecimentos já aprendidos durante a escola de polícia. O objetivo do curso foi a padronização de técnicas e táticas operacionais policiais visando o aprimoramento de todos os participantes.

Realizado na sede da 15ª SDP, o curso contou com aproximadamente 25 policiais e com 60 horas de atividades teóricas e práticas. Durante o curso os policiais abordaram temas sobre os aspetos técnicos da investigação policial e qualificadoras do crime de homicídio e o uso progressivo da força.

Os policiais também relembraram técnicas de tiro de pistola, metralhadora e espingarda, combate em recintos fechados (CFR), operações veiculares (direção ofensiva, defensiva e evasiva), abordagem policial, explosivos com apoio do Tático Integrado de Grupos de Repressão Especial (Tigre), entre outras disciplinas.

Segundo o vice-diretor da ESPC, Cristiano Quintas, a escola busca ofertar várias programação de cursos de treinamento/aperfeiçoamento aos servidores de Segurança Pública. “Não há dúvida que o fundamento básico de qualquer instituição policial é o fator humano, portanto, os policiais precisam estar muito bem preparados para atuar na investigação, no combate à violência, prevenção e repressão do crime”, diz.

Para a delegada Mariana Antonieta Manso Vieira, da Delegacia de Homicídios (DH) de Cascavel; instrutora e coordenadora da atividade, os cursos ofertados proporcionam atualização do treinamento aos policiais. “O treinamento especializado tem o objetivo de proporcionar aos policiais capacidade para atuar pronta e positivamente em diversas situações, agindo de forma eficiente em qualquer ocorrência em que seja necessária a ação policial”, finaliza.

Os instrutores que ministraram o curso de nivelamento foram a delegada da DH de Cascavel, Mariana Antonieta Manso Vieira; o superintendente da DH de Cascavel, Everton Klauss; os investigadores da DH de Cascavel, Mariel Stidle Torres; e Adair Fernandes, além dos policiais do Tigre; Tiago Raveduti e João Paulo Abe.

Fonte: Polícia Civil do Paraná